Você quer mais tempo ou mais dinheiro?

Quando faço essa pergunta as pessoas falam de cara: “mais dinheiro!!!, mas pensando bem, os dois.”. Talvez essa seja sua reposta para a pergunta.

Convite Mais tempo mais dinheiro_eletrônico.inddCom o sucesso do Livro Mais Tempo Mais Dinheiro  (que aliás alcançou a 3a posição – tríade – dos mais vendidos da Revista Veja e o O Globo – e com isso alcancei mais uma meta pessoal!!!), tenho feito diversas palestras em parceria com o Gustavo Cerbasi.

Em algumas, no final da palestra, abrimos para perguntas sobre os temas. Em geral 60% das perguntas são o que fazer com o meu dinheiro e 40% o que fazer com meu tempo.

Isso é muito normal de acontecer. As pessoas sentem mais aquilo que “conseguem ver que perderam”. Uma conta negativa, o pagamento de juros, a queda na bolsa, etc. Tudo isso faz a pessoa se preocupar com o dinheiro que foi embora. É visível, gera preocupação e tira alguns prazeres do dia-a-dia (se tiver de economizar).

Agora com o tempo é diferente. Poucas pessoas sentem de fato que perderam tempo. O velho ditado diz que as pessoas só sentem quando “arde no bolso”. E tempo não arde no bolso (mas pode arder no estômago).

Se hoje você ficar até as 22hs no escritório, o que você perde? Talvez nada imediatamente. Talvez já esteja acostumado. Se esquecer de cumprir uma atividade e ela virar urgência amanhã, vai pagar juros? Não!

timeismoney2A verdade é que tempo, não é mais importante que dinheiro. É tão importante quanto dinheiro. Tudo na vida pode voltar: saúde, amigos, dinheiro, filhos, empregos, até sogra volta. Agora o tempo que foi perdido, aquela festa do filho que você não conseguiu ir, aquele pedido que não foi feito, o jantar que você não chegou, isso nunca mais volta. Tempo é a única coisa da vida que não volta.

O problema é que as pessoas só percebem isso quando é tarde demais. Quando a saúde foi embora, quando os amigos não existem mais, quando o casamento se quebra e por ai vai. Eu fui assim, só dei valor ao tempo quando tive um problema gravíssimo de estômago devido ao estresse (e como ardia!).

Hoje eu defendo que não precisa ser assim. Minha missão é divulgar a mensagem de que você precisa mudar antes de ser necessário mudar. Da mesma forma que você se preocupa quando fica com a conta negativa, se preocupe se seu tempo não está sendo bem utilizado.

Tempo e planejamento não entram na lista dos mais vendidos (aqui no Brasil). Gestão financeira está sempre entre os top 20. O livro Mais Tempo Mais Dinheiro está ai para quebrar esse paradigma.

Divulgue essa mensagem, perguntando as pessoas: o que você prefere, mais tempo ou mais dinheiro? Tente convencer a todos, que a resposta certa é: um deve sempre vir junto com o outro!

Boa Semana, com mais tempo & mais dinheiro!