Anúncios

Seja a Mamangava

A primeira vez que fiz o Empretec (curso para empreendedores da ONU/Sebrae) na minha vida, teve uma frase que o instrutor falou que me marcou:

“Foi estabelecido cientificamente que a mamangava não pode voar. Sua cabeça é grande demais e suas asas pequenas demais para sustentar o corpo. Segundo as leis da aerodinâmica, ela simplesmente não poderia voar. Mas ninguém disse isso à mamangava. E assim ela voa”

mamangava2

A mamangava é a abelha que faz a polenização do Maracujá e outras plantas, pelo que pesquisei. É também um lema, uma forma de você encarar a vida, que adotei pessoalmente.

Quando eu comecei a Triad todo mundo me chamava de louco, falavam que não ia passar dos primeiros meses, etc…. enfim, a empresa cresceu e agora estamos a um passo de atuar no mercado americano pra valer.

Fechamos com uma das maiores empresas globais de alimentos uma série de soluções Triad, não teve pra Covey, Allen, Smith, Mission, etc. Uma empresa brasileira ganhou por inovação, conhecimento e resultados.

É impressionante o quanto o brasileiro não valoriza o brasileiro, quando falamos que a Triad é nacional o pessoal faz cara desconfiança, se falasse que era americano, já confiam.. Brasileiro não gosta de ver Brasileiro dar certo. Brasileiro não acredita em Brasileiro!

Outro dia li um comentário de um cara que falava que a metodologia da Triad fez sucesso lá fora do dia pra noite. Mentira! Eu demorei 10 anos pra fazer sucesso do dia pra noite. Nada acontece sem esforço.

Agora, meu próximo desafio euaé fazer o americano aceitar que um “ser não americano” possa competir de igual para igual com eles… mas eu vou junto com a mamangava… pelo menos cabeça grande nós dois temos! ahahahah

Em breve conto para vocês as novidades pelo mundo gringo….

Anúncios

EUA – Parte 1 (Trabalho)

Com essa minha viagem aqui para os USA não deu para blogar com a mesma intensidade que vinha fazendo, mas vou começar a tirar o atraso.

Na primeira parte da viagem fiz uma palestra em um evento na linda cidade de Washington D.C. sobre Performance Corporativa, muito interessante.

Chegamos em uma época em que as empresas não tem mais aonde cortar custos e por isso a necessidade emergencial da melhoria de produtividade.

Automation é a palavra do momento, teve um cara que deu uma palestra falando justamente que as empresas precisam procurar em seus processos pontos de automação, que vão desde de simples regras no e-mail até complexos sistemas de workflow integrados com linha de produção. A regra é: se for para repetir (ou fazer similar), que seja um sistema a fazer.

automation

O conceito é legal, o objetivo é minimizar o volume de trabalho repetitivo que as pessoas fazem sem perceber (mesmo em sistemas de ERP) e deixar isso a carga de complexos sistemas de IT.

O evento foi um exemplo de automation, o participante tinha acesso a qualquer informação (da agenda do evento, até currículo e site dos palestrantes) através de telas de LCD touch screen. Inclusive a pessoa podia conectar seu pen-drive na tela e baixar o material (que já estava sendo enviado por e-mail durante a realização da palestra).

Eu falei sobre Gestão de Tempo para Líderes e cases de sucesso para redução de urgências. Obviamente que o gancho do automation caiu como uma luva.

Foi um evento muito legal. Assim que os organizadores enviarem as fotos, publico aqui.

4 dias de trabalho/semana

Enquanto a gente anda trabalhando cada vez mais ai no Brasil, aqui nos EUA estão ficando sérias as discussões de trabalhar 4 dias por semana ao invés de 5 dias.

Logo no início do curso já ouvi comentários que a forma de ter mais hora_extra tempo é ter menos tempo (for more time, less time!), ou seja, fazendo uma carga horário de trabalho menor a pessoa conseguirá ter mais tempo livre para si mesma.

Descobriram por aqui que um dia na semana é realmente desperdiçado se somarmos todo o gasto de tempo desfocado que temos. A idéia não é nem reduzir o volume de trabalho nem o salário, mas “get focused”.

Alguns sindicatos estão se mobilizando coletivamente para adotar o novo padrão, as empresas, por incrível que pareçam estão gostando da idéia, pois isso significa menos gasto e inclusive economia de gasolina para todos (o que só se fala por aqui é o preço atual da gasolina).

Será que a moda pega?

25% do dia é desperdiçado

relogionolixo

De acordo com uma pesquisa da consultoria americana Leadership IQ, com mais de 6000 pessoas, mostrou que as pessoas gastam 2.3horas (para uma média de 9.2hs de trabalho/dia) desperdiçando seu tempo com coisas totalmente circunstanciais.

Em fevereiro de 2008, os 5 maiores desperdiçadores de tempo eram:

  • Sufar na Internet para melhorar a carreira (21%)
  • Surfar na Internet para finanças pessoais (17%)
  • Sonhar acordado sobre coisas negativas (12%)
  • Conversas desnecessárias com colegas de trabalho (9%)
  • Surfar na Internet para Lazer (7%)

Depois o povo reclama, eu não tenho tempo, não deu tempo, etc, etc…

E você? Será que falta tempo ou será que falta um bom uso do seu tempo?