Como os seus filhos gerenciam o tempo deles?

Muita gente me pergunta qual a idade certa para iniciar a gestão do tempo e se crianças devem se preocupar com isso. A resposta a essa pergunta é SIM, crianças devem ter bases sobre gestão de tempo, mas de forma sutil e no momento certo.

Primeiro entenda/aceite que os problemas que você tem hoje de produtividade são fruto do seu passado, que criou um modelo mental urgente, onde tudo é feito na última hora.

Para muitas pessoas essa foi a realidade que tinham em casa, onde os pais, de forma inconsciente e sem a menor maldade, passaram esse modelo para você. Se você via seus pais deixarem as compras para última hora, a matrícula da escola para o último dia, as contas atrasadas, o presente de aniversário em cima da hora, o jantar de Natal era planejado no almoço do dia anterior e por ai vai. O padrão urgente que você tem hoje nada mais é do que uma replicação desse seu ambiente passado.

Claro que não é apenas seus Pais que fizeram esse modelo, a escola, seus amigos, familiares e o próprio ambiente sócio-cultural influenciaram isso também. Agora que você entendeu esse princípio, já parou para pensar o que você está fazendo com os seus filhos? Será que você está agindo de forma a criar o líder urgente do amanhã? Pais urgentes criam filhos urgentes!

O primeiro passo para mudar esse quadro é começar a se policiar, adotar um modelo de planejamento pessoal e gestão de tempo, principalmente no que diz relação às coisas das crianças. Como você pode cobrar o que você não faz? O famoso vídeo abaixo, é mais do que verdadeiro sobre isso:

 

Para começar a estimular a gestão de tempo nas crianças, não precisa usar uma agenda ou ficar neurótica. Estimule aos poucos com atitudes de prevenção, planejamento e tudo como brincadeira.

No livro Você Dona do Seu Tempo eu detalhei esse modelo para duas faixas de idade. Clique aqui para baixar um resumo do livro sobre como aplicar gestão de tempo para crianças de 7 a 12 anos de idade.